segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Prontos pra mais uma

 É, eu tentei.
 Tentei ao máximo manter as postagens desse blog regulares, da mesma forma que também tentei fazer dieta, da mesma forma que também tentei ser uma pessoa melhor. Nem sempre conseguimos tudo e, de certa maneira, é isso que nos delimita e demonstra todos os nossos obstáculos. A sede por querer sempre nos transformar em algo melhor é o que nos mantém vivos, é o que nos torna humanos e que isso continue para 2017.
  2017. Ano decisivo pra mim. Vestibular. (possível e quase certa) Mudança de cidade. Ano que eu prometo me desprender das algemas sociais e ser realmente quem sou em todos os sentidos. Emocionais. Sociais. Psicológicos. Físicos. Auto aceitação é algo que todos deveriam ter, nos transforma necessariamente em seres mais evoluídos, uma vez que para compreender toda a complexa sociedade onde nos encontramos, é necessário, antes de tudo, entender e aceitar nós mesmos e, apenas depois, os outros.
  Eu sei. É tudo muito confuso. Imagina que se isso é confuso para você, imagina para mim que escrevi tudo isso. Aliás, já ouviu um pouco de Britney Spears hoje? Caso não, ouça agora. Dentro desse parâmetro musical podemos entrar na questão do quão efêmero são nossos momentos. Nascemos. Crescemos. Reproduzimos. Morremos. Questão da unesp de 2014 ou 2015. Sim, eu consigo decorar questões de vestibulares e isso não é um problema pra mim e muito mesmo pra você.
  Desejo um 2017 com poucos problemas e muitos esquemas (quem não gosta de um?).
  De vez em quando apareço por aqui pra ver como estou e como vocês, pessoas aleatórias da internet. estão também.
  Isso não é um adeus, é só uma postagem solitária.
  Bye

Nenhum comentário:

Postar um comentário